COMO LIDAR COM O BOFE EM CADA FASE DO RELACIONAMENTO


No começo da relação, tudo é lindo e ate meio confuso. Quando a gente ainda não conhece os gostos, manias e limites do outro, melhor contar com regrinhas de senso comum para não perder a mão em cobranças desnecessárias.






Peguete da noite

Com esse gato, a lista é curtinha. Afinal, vocês não têm compromisso nenhum. Aliás, mal se conhecem, né?! Por isso, encarnar a ciumenta, por exemplo, pode afastar o cara e eliminar qualquer chance de transformá-lo em um namorado ou, quem sabe, um ficante eventual. Sabe o que está liberado...



Amizade colorida

Volta e meia, vocês ficam. Já rolou de dormir na casa dele e ele na sua, mas, no dia seguinte, nada de fofurice - no máximo um café da manhã juntos na padaria da esquina. É bom manter a calma com o PA para não perder o que essa relação tem de legal: o clima leve e sem pressão. Saiba o que fazer...


Aqui, está liberado: 

Dar indiretas se achar que está olhando muito para as mulheres em volta (principalmente se forem suas amigas). Basta comentar "Bonita essa minha amiga, né?", com bom humor e uma pontinha de ironia, para ele se tocar de que você está esperta. 

Pedir para ele pegar um drinque e ir para a pista dançar com você. 



Ficante de três semanas

Aqui a situação começa a mudar. Faz quase um mês que saem, e com certa frequência - esse dado é importante, ok? A relação precisa estar evoluindo. Vocês estão "ficando", não é que "ficaram" duas vezes nesse período de tempo. Durante o dia, conversam pelo WhatsApp e pelo Facebook e se falaram pelo telefone algumas vezes. Esse cara já tem informações do tipo: onde você trabalha, onde mora, qual é a sua rotina, o que faz aos finais de semana e quem são suas melhores amigas. Provavelmente os amigos dos dois já sabem que está rolando alguma coisa mais séria. 

Aqui, está liberado: 
Mandar mensagem perguntando onde ele está ou o que está fazendo... Mas sem exageros - o tom deve ser de conversa, não de interrogatório! O ideal é questionar esse tipo de coisa quando você tem um convite legal a fazer. 

Combinar de sair aos finais de semana. Pode ser um programa mais animado, como balada ou barzinho na sexta e sábado à noite, ou algo mais tranquilo, tipo um cineminha: "Quer ver o novo Transformers no domingo?" 

Passar para buscá-la de carro quando saem - e vice-versa! 

Perguntar mais sobre a vida dele: quem são os amigos, quais os mais chegados, os programas que curtem, os times para os quais torcem etc. 



Namorado novo

Finalmente rolou: vocês estão namorando. Quando os dois topam o compromisso, já é o momento para: 

Planejar o fim de semana juntos. 

Trocar o status no Facebook. Ok, não precisa colocar "Namorando" e marcar a pessoa logo de cara. Mas não cabe mais ficar como "Solteiro", né? 

Perguntar se ele excluiu o Tinder (e outros apps de pegação) do celular. 







Namorado de três meses

Nesse estágio, vocês já têm intimidade. Provavelmente já se deram apelidos fofos, têm piadas internas, saem com casais de amigos e passam os finais de semana na casa um do outro. Vocês estão no auge da paixão e a vontade de estar junto nessa fase é imensa! 

Aqui, está liberado: 

Postar fotos fofas nas redes sociais sem medo de ser grudenta. Claro, não precisa escrever legendas estilo "Amor pra vida toda". Prefira algo mais sutil, do tipo "Me faz tão bem" ou "Jantando em ótima companhia". 

Pedir para conhecer a família dele. A essa altura, ele já deve ter comentado como são os pais, irmãos etc. Diga que ficou curiosa! 

Apresentá-lo à sua família. 

Programar uma viagem curta. Nada longe ou caro nem que envolva planejamento. Três dias na praia já são um bom teste para a relação. 




Namorado de seis meses

É a última etapa que marca o "começo" de uma relação. Sinta-se à vontade para: 

Combinar de guardar dinheiro para fazerem uma grande viagem juntos. 

Deixar roupas e objetos na casa do gato. E ele deixar na sua também. 

Conversar sobre o futuro: objetivos de carreira, viagens, cursos - e até falar sobre um dia morar junto ou casar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Opnioes sao sempre bem-vindas